BRASIL: Dois ataques a carros-fortes no mesmo dia. Vigilante morre em uma das investidas

Um companheiro morreu em serviço num ataque violento e covarde a carro-forte, nesta última sexta-feira (09/02), em São Paulo (SP). No mesmo dia, vigilantes de carro-forte que abasteciam uma lotérica em Porto Alegre (RS) ficaram na mira da morte em mais uma investida aterrorizante.

A semana que antecedeu o carnaval foi marcada por cenas de terror. De segunda (05/02) a sexta-feira (09/02), foram pelo menos oito ataques a carros-fortes no Brasil, deixando rastros de sangue, mortes e feridos. Os vigilantes do Brasil pedem socorro e exigem a troca de armamento em defesa da vida.

Vigilante morre em assalto a carro-forte em São Paulo

Pelo menos quatro criminosos participaram da ação que resultou na morte de mais um companheiro de serviço. O crime ocorreu na última sexta-feira (09/02), no Jardim Ipê, zona oeste de São Paulo, no momento que o carro-forte abastecia caixas eletrônicos dentro de um supermercado. Na ação covarde, um vigilante foi atingido por um tiro e encaminhado a um hospital da região, mas não resistiu. Os criminosos fugiram do local.

*Com informações do R7

Carro-forte é alvo de criminosos em Porto Alegre (RS)

Cerca de seis criminosos atacaram um carro-forte que iria abastecer uma lotérica dentro do hipermercado Bourbon Canoas, localizado na Região Metropolitana de Porto Alegre (RS), na última sexta-feira (09/02). Os criminosos renderam os vigilantes, roubaram os malotes e conseguiram fugir.

*Com informações do G1

Para acabar com carnificina, a CONTRASP – Confederação Nacional dos Trabalhadores de Segurança Privada está atuando, entre outras iniciativas, para emplacar o PLS 16/2017, que permite armamentos de calibres maiores aos vigilantes.

Também reforçamos que a extensão do porte de arma dos vigilantes, pelo direito de se proteger após o expediente, é luta da CONTRASP, que está articulando com deputados e senadores, para que possam enquadrar estas urgências.

 

Fonte: CONTRASP - http://contrasp.org.br/noticia/brasil-dois-ataques-a-carros-fortes-no-mesmo-dia-vigilante-morre-em-uma-das-investidas